Buscar
  • fluffypetgeral

Asneiras

Recentemente colocamos a possibilidade de serem vocês a escolher o tema deste artigo e, entre florais de Bach e falarmos sobre "asneiras", a maior parte, escolheu este tema. Assim, aqui vamos nós, mergulhar num mundo de asneiras caninas.


E começamos exatamente por entender o que são asneiras.


Fomos ao dicinonário Priberam pesquisar o que são asneiras e o resultado é:


as·nei·ra
(asno + -eira)
nome feminino
1. Acto ou dito disparatado, insensato. = DISPARATE, TOLICE
2. Dito considerado obsceno ou indecoroso. = GROSSERIA, PALAVRÃO
3. Consequência desastrosa ou negativa de uma acção.
"asneira", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2021, https://dicionario.priberam.org/asneira [consultado em 12-08-2022].

Só por esta definição (e lembrem-se que estamos a falar sempre tendo em base os cães), podemos entender que os Humanos entendem as asneiras como sendo algo que sai fora do que consideramos normal e natural, a tal tolice, o tal ato disparatado e insensato que menciona o dicionário.


Posto isto - e tendo consciência de que os cães são Seres de uma natureza diferente - será correto e justo dizer que eles fazem asneiras quando algo sai fora do que desejamos e do que esperamos?

Os cães não são da nossa espécie e, por isso, os conceitos e o que é espectável é distinto do nosso.


Agora que já registamos o primeiro ponto - os cães são de natureza diferente da nossa e, por isso, com comportamentos distintos dos nossos - vamos para o segundo ponto! O que é natural e normal na natureza canina?


Para responder a esta questão vamos, novamente, comparar os cães e os humanos e vamo-nos focar nas principais queixas de "asneiras" que os tutores fazem.


  • ROER

A base e o ponto de partida é compreender que roer é um comportamento natural nos cães. Não obstante, roer pode ajudar o cão a enfrentar determinados momentos e situações que encontra ao longo do dia, tais como: nascimento dos dentes (tal como os bebés humanos), quando estão aborrecidos, quando estão nervosos e stressados e em casos de ansiedade.

Roer ajuda a relaxar, ajuda a acalmar.

E, curiosamente, não só para os cães; connosco também funciona assim... senão, lembremo-nos de quantas vezes colocamos uma pastilha elástica na boca quando estamos nervosos e perante uma apresentação, quantas pessoas roem as unhas por estarem stressas e/ou nervosas, quantos de nós se vingam na comida quando estão tristes, nervosos, ansiosos e inquietos.

Roer acalma.



  • FAZER BURACOS

Novamente... os cães são animais de espécies diferentes e, por isso, têm comportamentos diferentes e formas distintas de ver e olhar para as situações. Além disso, como já temos referido outras vezes, os cães são animais caçadores e nada fará mais sentido do que percorrer o jardim a fazer buracos em busca dos pequenos animais. Não só é divertido, como é natural neles.

Por outro lado, em dias quentes fazer buracos pode representar a necessidade deles em procurar um local fresco para se deitar e relaxar, tal como nós, quando temos calor e nos tentamos colocar mais cómodos.

Por ser natural e normal para os cães, fazer buracos pode ser uma excelente forma de se distraírem e ocuparem o seu tempo - assim, este comportamento também pode resultar de uma falta de estímulos ou atividades que o desafiem, por tédio e aborrecimento.



  • XIXIS EM LOCAL ERRADO

Mais um comportamento que entra no "top das asneiras" por parte dos tutores.

Vamos compreender que, se falarmos de cachorrinhos, tal como os bebés humanos, estes ainda não possuem os músculos tomificados o suficiente para aguentarem muito tempo. Além disso, como cachorrinhos tudo acontece muito rápido e é vivido de forma intensa. Da mesma forma que não esperamos que os nossos bebés aguentes 6h sem fazerem xixis, não o poderemos esperar dos cachorrinhos. Cachorrinhos são bebés... têm as suas limitações físicas. Há sim, coisas e cuidados que podemos ter para evitar que isso aconteça em "locais errados".

Já agora, "locais errados" são um conceito nosso, não dos cães. Os cães vivem numa dimensão mais simples em que fazem as suas necessidades quando e onde têm vontade de tal. Os cães não nascem com o conceito de terem um local específico em casa para os seus xixis e afins; eles só se preocupam em não fazer perto da comida e da cama, mas de resto, não há qualquer entrave. Aprender a irem a um local específico é um trabalho hercúleo para os cachorrinhos. Por isso mesmo, não se zanguem, nem castiguem quando houver falhas. até mesmo os nossos bebés falham quando mudam da fralda para o penico!




Agora que já vimos um pouco das principais questões apresentadas pelos tutores quando falamos neste tema, queremos terminar explicando porque usamos o termo "asneiras" e não asneiras.

"Asneiras" significam um choque de culturas entre o que é natural em cães e humanos.

Sem dúvida alguma que somos espécies diferentes e que as nossas naturezas podem chocar. Mas se roer, escavar e fazer xixs em qualquer lado é algo natural nos cães, porque vamos considerar errado? Pela mesma perspetiva, muitos dos nossos comportamentos poderiam ser vistos e tidos como errados do ponto de vista dos cães.


Pelo bem da vossa relação, o ideal é encontrar um consenso e um compromisso - "podes fazer xixis, mas neste local; se falhares eu não ralho, mas vou entender o motivo por detrás disso". "Não quero que roas os meus sapatos, mas como sei e compreendo que roer é-te benéfico, vou dar-te ossos e afins apra roeres" ou até mesmo "se precisas de fazer buracos, vou deixar um canto do meu jardim para ti e lá podes escavar o que quiseres!"



Agora perguntamos.... o que vocês acham?

Asneiras ou "asneiras"?




Fluffy Pet - serviço de treino canino, reiki em animais e pet sitting ao domicílio

960 160 170

www.fluffypet.pt

fluffypet.geral@gmail.com

Facebook | Instagram | YouTube




Fontes:

https://dicionario.priberam.org/asneira

https://www.zooplus.pt/magazine/caes/adestramento-de-caes/o-meu-cao-roi-tudo

https://www.peritoanimal.com.br/como-fazer-o-cao-parar-de-cavar-o-jardim-21103.html

https://www.granvitapet.com.br/area-pet/dicas/3-dicas-para-o-seu-pet-nunca-mais-fazer-xixi-no-lugar-errado



10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo