Buscar
  • fluffypetgeral

Cão de treinador, também é cão!

Quantas vezes tenho a sensação que as pessoas esperam que o cão de um treinador seja um cão "perfeito" - e coloco perfeito entre aspas, porque a designação de perfeito que sinto nesses momentos é a dos filmes ou das séries, quase como que um cão que se porta como um robot ou sabe, de antemão o que se espera dele.


Não digo que não hajam esses cães; claro que podem existir! Com tempo e dedicação, com prática e empenho.


Quantas vezes me perguntam "ah, o seu cão não faz nada disso, pois não?" ou me dizem "de certeza que o seu cão é muito bem comportado!".


Sabem que mais?

Cão de treinador também é cão.

Cão de treinador também sente necessidade de roer, de perseguir gatos e folhas secas, também rouba comida do caixote do lixo e também faz buracos no jardim se tiver essa oportunidade. Isso são coisas de cães. Coisas típicas e normais de cães.


Um cão de um treinador não é uma espécie diferente! Ele é um cão na mesma e tem os mesmos instintos que qualquer outro cão!

O que, a meu ver, acontece, é que o cão de um treinador, tem a "vantagem" de ter alguém que se dedica a compreendê-lo e a perceber porque ele sente necessidade de fazer tais comportamentos.


Se puder partilhar convosco alguns dos momentos gloriosos da Lobita, posso contar que durante o período em que eu tirava o Curso de Treinador Canino, a Lobita comeu cerca de uma dúzia de ovos... ficou três dias enjoada, mas não foi castigada por isso. Analisamos o que correu mal (claro que fomos nós que deixamos os ovos "à mão de semear" e ela, como cão que é, aproveitou para um snack).


A chamada dela foi trabalhada com um queijo que ela roubou da banca. Castigamos? Não! Analisamos a situação, aprendemos que ela chegava até aquele ponto da banca, trabalhamos isso (e o que estava por trás) e, paralelamente, usamos esse petisco que ela considerava mega delicioso, para praticar a chamada.


Quem nos acompanha há mais tempo sabe que a Lobita foi adotada e veio para a nossa família com cerca de 3 anos de idade... fugiu-nos de casa umas duas ou três vezes no inicio. Castigamos? Nunca! Analisamos o motivo das fugas e aumentamos a frequência dos passeios. Juntamente com algum treino, nunca mais fugiu.


E como estas história, tantas outras existem!...


Porque partilhamos isto convosco?

Porque não existem cães perfeitos. Não de acordo com o que nós desejamos muitas vezes (e que é influenciado pela televisão e redes sociais). A perfeição deles é essa.. é serem cães, pura e simplesmente.


O nosso maior conselho é verem as coisas da perspetiva canina, compreenderem os porquês das situações e trabalharem em conjunto, não em direções opostas.Claro que estamos cá para ajudar no que precisarem, mas o primeiro passo é compreender e respeitar as diferenças das nossas natureza. A partir daí, tudo fluirá melhor!








Fluffy Pet . serviço de treino canino e pet sitting ao domicílio

📞 960 160170

📌 www.fluffypet.pt

📧 fluffypet.geral@gmail.com

👍 Facebook

📸 Instagram

📺 YouTube

25 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo